11o  Festival Internacional de Fotografia de Porto Alegre

8 a 12 de maio de 2018

FestFoto anuncia os primeiros prêmios das Leituras de Portfólio de 2018.

 

Mariane Lima, de São Paulo e Gabriel Carpes, de Porto Alegre foram os selecionados para expor em Montevideo através do Centro de Fotografia de Montevideo - CdF pelo diretor Daniel Sosa. Mariane expõe no próprio CdF  em março e Gabriel expõe na Fotogaleria à Céu Aberto da Cidade Velha em maio.

 

Com o trabalho MARIA, SÓ MARIA  Mariane busca refletir sobre a manutenção de ciclos sociais que reforçam uma clara divisão de classes, vinculada às relações de trabalho sendo o contexto familiar e social em que crescemos fator determinante de nossos papéis na sociedade. Filha de empregada doméstica, nasceu e cresceu em Embu-Guaçu, município localizado ao extremo sul da capital paulista, cuja a maior parte da população economicamente ativa é composta por trabalhadores do ramo industrial e empregados do setor doméstico. "O título faz referência a minha mãe e a singularidade de seu nome - Maria - que atua como doméstica a quase 30 anos", diz Mariane, que é fotógrafa e artista visual. Por meio de um recorte pessoal e íntimo, seu trabalho se concentra em entender como as noções de classe influenciam na construção do indivíduo perante a sociedade. Como resultado, sua produção levanta temas que ultrapassam o limite autobiográfico para refletir sobre questões como corpo, representação e relações de trabalho no atual cenário social e político brasileiro.

 

Gabriel Carpes pesquisa com seu trabalho "Faltam Mil Anos de História", uma era de desintegração de uma sociedade que sequer se construiu enquanto idéia, encontrando vãos e espaços sociais nos planos visuais do dia a dia. Algo que deveria estar em construção mas que já parece ruína, como diria o poeta.

 

Fábio Del Ré, de Porto Alegre, e Paulo Coqueiro, de Salvador, foram os selecionados para o Lianzhou Foto Festival, na China, pela diretora do festival Duan Yuting.

E Fernando Bueno, de Porto Alegre, foi o selecionado para a Bienal Fotográfica, de Bogotá, pela diretora da Bienal e curadora Gilma Suárez.

 

Vencedor das Bolsas para Houston e Buenos Aires em 2016 com seu trabalho Morandi, Fábio Del Re é agora selecionado para o Lianzhou Foto Festival, na China com um trabalho evolutivo a partir da base encontrada em Morandi. Da mesma forma, Paulo Coqueiro, vencedor das bolsas para Buenos Aires e para a Trienal de Fotografia de Hamburgo na Alemanha em 2017, assim como para expor no CdF de Montevideo, é agora selecionado para também levar seu trabalho Não Minta para Mim para o festival chinês.

 

E o gaúcho Fernando Bueno foi o selecionado para a Bienal Fotográfica de Bogotá, com o seu trabalho Memórias Vencidas. Trabalho que vem desenvolvendo há cinco anos  e feito com filmes vencidos, os resultados são sempre uma surpresa, todos os defeitos (efeitos) são resultantes da degeneração fisica da película, não havendo retoques ou Photoshop. A série faz parte da coleção da MEP, Maison Europeene de la Photographie, uma das mais importantes coleções de fotografia contemporânea da Europa e do mundo.

Em breve publicaremos o resultado das demais bolsas e prêmio de aquisição.

Mariane Lima - MARIA, SÖ MARIA

Gabriel Carpes - Faltam mil Anos de História

Fernando Bueno - Memórias Vencidas

Paulo Coqueiro - Não Minta Para Mim

Fábio Del Re

 

Financiamento

Apoios Internacionais

Patrocínio

Apoio

Produção

Apoio Editorial

Realização